sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

ATITUDE

Destruí poemas de amor,
apaguei luzes,
trilhei-me de fugas,
rompi choros
com um susto.

Desvendei mascaras,
revelei pactos,
anunciei mudanças,
fechei a porta
e tranquei-me.

...depois calei-me
com um grito.




Marcos tavares