quarta-feira, 3 de outubro de 2012

SOMENTE O HOJE



Sabe, estive pensando..
O tempo passa. Tudo passa...
O emprego dos sonhos mudou de rumo, mudou de sonho. Evoluiu. As "noitadas na balada" já quase desapareceram, o trabalho aumentou, o estudo triplicou, o tempo diminuiu e as horas voam!
Aquela dor já não dói mais, aquela lágrima já secou faz tempo... Aquele sorriso, agora aparece no primeiro Bom dia e se estende em uma boa energia.
“As críticas se tornaram mais fortes, as palavras mais pulsantes, os sentimentos mais maduros, a intuição mais ativa, a alma restaurada, o ”saber" aguçado!”
A paixão descobriu o prazer de amar e ser amado, os ciúmes ainda tenta driblar com o orgulho, ambos sendo trabalhado misteriosamente por uma força maior, o aprendizado sendo um "ativo circulante" na contabilidade da nossa vida.
Pessoas que achávamos serem amigos, hoje não nos olham nos olhos. Indignação! Ou então amigos, que se foram pra bem longe fisicamente, mas que nem a distancia foi capaz de apagar o mais importante: a amizade, o carinho.
A correria do dia-dia que aumenta constantemente, nos afastando de quem mais amamos... Os familiares. As lembranças da escola, dos professores, das tardes sentadas no sofá na adolescência..rs
Agora, as mesmas tardes, passamos mandando e-mail, atendendo telefones, cliente pra cá, fornecedores pra lá. Mudanças, crescimentos, esforços, resultados.
Tudo passa de um jeito rápido, por isso vivo o hoje e não o ontem, nem mesmo o amanhã...
Somente o hoje!


Jose Expedito dos Santos
Um raro artista que tive o prazer 
de conhecer como ser humano.