quarta-feira, 14 de setembro de 2016

SONHOS NA MOCHILA

Eu também já fui soldado 
já fui moldado a guerra,
já estive na terra
rastejando pelo chão
por não saber negar.

Eu também já fui julgado,
condenado por heresia,
tive que calar a voz
por não querer cantar
os versos dessa hipocrisia.

Eu também já fui premiado,
ganhei medalhas de sonhador,
admirado por ser tão bom ator
representado seres sem alma,
(personagens que não sabiam sorrir).

Eu também não pude fugir
tendo sonhos na mochila
e um coração cheio de valsa,
mas fui vendo meus sapatos
não caberem mais em mim
neste mundo de pessoas descalças.



Marcos tavares